news
LUCIA MENEZES
Conheça aqui "Lucinha", novo CD de LUCIA MENEZES ...

WAYNE STODDART
Inspirational Reggae Artist: WAYNE STODDART (Hot New Single!)Three Cs speaks to decisions and their consequences ...

ELLE B
Happy to announce that Elle B is now on xradiostage.com.Check out her fantastic songs!!! ...

REIGNDEAR
new single "Royalties" on xradiostage.com ! What a great song! ...

JOHN CAMPFIELD
check out his brand new 2 songs "givin me love" & "you're not the same" ...

FACEBOOK
xradiostage.com is now on facebook! ...

ELISETE
"YAM" Check out her brand new song! ...

YESHE
Yeshe just won # 1 @ 16th BILLBOARD World Song Contest in the "World" category..... ...

WILLIAM WHITE
A firm believer in the power of music is on xradiostage.com ...

PETER FINC
"check out this talented artist" album is available on itunes ...

ZONE
New album "Gimali" is now available on itunes ...

IRIDIUM PROJECT
"Great electronic/dance music from South Africa" ...

GENE KASIDIT
Electronic music from Thailand - Gene Kasidit left the band "Futon" and is going solo.... ...

REPPLICA
One of the best Brazilian rock bands is on xradiostage.com ...

NICOLE PATRICK
USA - Nashville's new star. - "What a beautiful voice"! ...

BLUE FREDRIK
The youngest xradiostage.com member on air! Check out this great Norweigan artist! ...

CHARLOTTE WILTSHIRE
"this is real soul music!"- xradiostage.com ...

LUAN PARLE
"Meteor best Irish female artist 2007" ...

ATHAS
1st Celtic Band on xradiostage.com ...

JAMES SPAULDING
"what a great Jazz artist!" - xradiostage.com ...


>> more news
login     
next member

radiola


Maio de 2001. No balanço do funk, na força do rock e sob a influência de toda a musicalidade do Brasil, surge a banda Radiola. Com um estilo autêntico, a banda mostra uma sensibilidade rítmica que ecoa tanto nos atabaques dos terreiros, quanto nos riffs da mais visceral guitarra distorcida. Roquesambagroove é o nome de batismo. O objetivo real é dar ao público a oportunidade de divertir-se com o balanço do seu som ou apenas identificar-se com o conteúdo de suas letras. O vocal marcante, a levada da guitarra – alternada entre o pesado e o groove, o entrosamento cadenciado entre bateria, percussão e baixo e a ambientação criada pelo teclado ditam a harmonia, expondo a sonoridade muitas vezes inesperada da música. Formada por Fabinho (voz), Larriri Vasconcelos (baixo), Tico (guitarra), Alan Abreu (bateria), Tadeu Mascarenhas (teclados) e Germano Estácio e Felipe Kowalczuk (percussão), a Radiola percorreu ruas e casas de show de Salvador e freqüentou o circuito universitário da cidade. Mas alcançou elevados níveis de receptividade com a realização de projetos próprios, como o “É Sexta que Rola”, já consagrado em três edições consecutivas nos anos de 2002 a 2004 e a produção anual “O Buraco é mais Embaixo!”, também conhecida como a “Festa do Vinil”, devido ao concurso que ocorre durante o evento. Em meio a tantas festas, a Radiola também se comprometeu socialmente. Destacam-se as participações em projetos e festivais beneficentes na capital, como a Pré-Bienal da UNE, a festa Balaio de Gato – produzida pelo Gapa-BA – e o Projeto Sexta Básica, realizado pelo Sesi em parceria com a Faculdade de Comunicação da Ufba, e que tinha o objetivo de arrecadar fundos para o Projeto Fome Zero. A Radiola também estendeu suas apresentações a outras cidades, como Feira de Santana, Jacobina e Berimbau, e em outros estados, como Aracaju/SE. Na noite do Natal de 2004, a Radiola lotou o porão do Casarão 1 da Avenida Contorno, fazendo uma apresentação marcante como atração principal do PEGA (Projeto de Encontro de Grupos Artísticos). Em janeiro de 2005, a banda participou do projeto Música no Porto, levando centenas de pessoas ao palco instalado na praia do Porto da Barra, em Salvador. Neste evento, a Radiola capturou imagens que vieram a ser utilizadas no primeiro videoclipe da banda, da música Macumba. Ainda no mês de janeiro, a Radiola foi selecionada para o Festival de Verão de Salvador 2005, onde se apresentou na Arena Vivo Motomix, na noite em que participaram as bandas mais pedidas através do site oficial do evento. O show foi considerado por muitos como o melhor do dia e, segundo Luciano Matos, do jornal A Tarde, a Radiola apresentou “uma mistura bem azeitada de funk, rock e ritmos regionais, como ijexá”. Ainda de acordo com Matos, a banda “mostrou de cara a qualidade e competência das bandas locais” (A Tarde 21/01/05 pág.8). Em fevereiro de 2005, a banda foi atração do projeto Música no Parque, idealizado pela rede de supermercados Extra, que aconteceu no Parque da Cidade de Salvador. Em um show eletrizante, que contou com a presença de muitas crianças e idosos, a Radiola foi ovacionada pela platéia presente no Anfiteatro Dorival Caymmi, que ao final da apresentação pediu “mais um” em coro. No fim de 2005 e início de 2006, a Radiola participou de mais dois projetos beneficentes: o Bazar Beneficente 2005, que colaborou com a campanha Natal Sem Fome e o Arena 1, que arrecadou alimentos para a Sociedade Pestalozzi. No mês de Maio, o disco de estréia da Radiola ficou pronto para ser lançado. O CD tem o título Dois de Fevereiro e foi todo gravado no estúdio Casa das Máquinas, de propriedade do tecladista da banda Tadeu Mascarenhas. Em outubro de 2006, a Radiola participou do Festival Bahia Pop, ao lado de artistas como Detonautas, Paralamas do Sucesso e Nando Reis, entre outros. Em Dezembro do ano passado, a Radiola fez o lançamento oficial de Dois de Fevereiro, na edição 2006 da Festa do Vinil, onde cerca de 400 pessoas prestigiaram a banda. Entre os meses de maio e julho de 2007, a banda realizou sua primeira turnê pelo interior da Bahia. O projeto Radiola na Estrada promoveu shows em Alagoinhas, Ilhéus, Itabuna, Jequié e Vitória da Conquista, além de uma apresentação especial em Salvador, que contou com a presença do músico pernambucano Otto. Atualmente, a Radiola encontra-se em pré-produção do seu segundo disco, ainda sem data para lançamento. Dois de Fevereiro Depois de dois anos de gravações, o disco de estréia da Radiola saiu do forno. O CD, batizado de Dois de Fevereiro foi todo gravado no estúdio Casa das Máquinas, de propriedade do tecladista da banda Tadeu Mascarenhas. O disco conta com participações especiais do ator Jackyson Costa, do DJ Bandido, do coral de Cantoras da Rezadeira de Tanquinho de Feira (BA) e do violoncelista Josemir Valverde, entre outros. Toda a mistura rítmica vista nas apresentações da Radiola foi somada a um requintado uso de tecnologias musicais, formando um estilo criativo e de grande riqueza artística. Dois de Fevereiro tem a sua base sustentada por alguns ritmos nordestinos como ijexá, baião, maracatu e o samba. A influência da black music e do rock é percebida na cadência entre baixo e bateria. Enquanto a guitarra alterna entre riffs pesados e o groove, o teclado cria texturas e melodias dando ambientes para as musicas. O disco conta ainda com um excelente quarteto de metais em quatro faixas. Dois de Fevereiro também traz pitadas de elementos eletrônicos. Todos esses ritmos confluem com muita qualidade e sem exageros em 15 faixas. Dessas, 14 são autorais. A exceção é a versão do clássico “Vai Trabalhar Vagabundo”, de Chico Buarque. O CD tem como característica importante o envolvimento dos músicos da Radiola em todo o processo de produção. É um disco completamente independente. Tadeu Mascarenhas é o responsável pela produção, gravação, mixagem e masterização das músicas, auxiliado pelos outros integrantes da banda. O baixista Larriri Vasconcelos, formado em Artes Plásticas, é quem assina toda a parte gráfica do CD, além da concepção visual e digital. O percussionista Felipe Kowalczuk é o responsável pela edição, montagem e concepção do primeiro videoclipe da banda, da música Macumba, que está incluído em Dois de Fevereiro como faixa multimídia. Kowalczuk ganhou prêmios de nos festivais de cinema de Brasília e Curitiba com o curta-metragem Sub-Urbano. O clipe conta com imagens da apresentação da Radiola no projeto Música no Porto de 2005, realizado na Praia do Porto da Barra em Salvador. O título do CD é uma alusão ao dia de Iemanjá, quando existe uma festa tradicional no bairro do Rio Vermelho, em Salvador. Nesse dia, pessoas das mais diversas crenças fazem suas oferendas à rainha do mar, mostrando o verdadeiro sincretismo religioso da Bahia. Todo ano, durante a comemoração da data, a Radiola realiza um show na varanda da casa do tecladista Tadeu Mascarenhas, que fica em frente à igreja do bairro. Disso surgiu a identificação da banda com o dia de Iemanjá. Dois de Fevereiro foi realizado com patrocínio da Empresa Baiana de Alimentos - Ebal, através do projeto FazCultura, do governo estadual. Contato Antonio Uzêda Rua Professora Almerinda Dutra n.°19 – Rio Vermelho CEP: 41950-090 Salvador/BA (71) 3335-9543 / 9131-8929 Site: www.tramavirtual.com.br/artista.jsp?id=1851 Clipe: http://www.youtube.com/profile?user=bandaradiola Blog: www.radiola.zip.net Fotoblog: www.radiola.nafoto.net Orkut: www.orkut.com/Community.aspx?cmm=252258 E-mail: contatoradiola@uol.com.br

Get the Flash Player to see this player.

 
official website
 
country:
Brazil
 
genre:
World
 
 
send link to my friends
 

overfourteen    blais'e    mara nascimento    territÓrio    hollywood jesus    bert jerred    dilithium    scott scot    gumbo brasil    pantera negra    ruben urbalejo    deep soweto    minister blessed    max magnum    seven hills    los increibles jeff y ed-y    keely b    attitude    alabama boots    monsta hemp higher ghost,round head,general-b    sharon musgrave    art yenta    gatekrash    ezra    brazil back in bossa    rafael pondé    bruno migliari    back side 180    kaiku    wolvereyne    sambox    sunday night joy    adriano santhana    lucas dos anjos    bettman    karla izidro    orcadia    rishi van guz    camiranga    silent script    mr.bertus    ricardo moreno    stoosh    bogs brae    annex5    switch aka jimmy,jr    cosmotone    bassiedee    bosco    keahi conjugacion    vanessa vilhena    maag family    félix díaz    toni rowland    memyselfandus    chris wyatt scott    shoplifters united    john maurice restrepo    blue fredrik    light merchants    the darin collins show    mman    zsolnai    johnny feelings    gwenlann    marta&rubinho    natxopfler    adriano pancaldi    michael austin    sabiah    arcadevegeta    to-isis    gypsy piano blues    willis & the illest     thayana barbosa e joarge falcón    paper girl    eta carinae    sinbeats    enrico    echeverria el basco    tobey vines    disowned child    ldias    bug is better than butterfly    simone pelissari    nevada country band    blues on the rocks    nopal burton    pato banton    die energiemaschine    capleton    dehco wanlu / duo base    fiksum dyrdum    vince ladd    pivirama    marlene souza lima    wolf ratz    !ganesha    trubadore
© all rights reserved. ,